Você está em Ajuda > Dúvidas Frequentes

"Tele" e o hífen

O falso prefixo tele-, após a reforma ortográfica, passou a ser separado do segundo elemento por hífen somente nos casos em que este inicia por "e" ou "h".

Caso o segundo elemento inicie com a consoante "s" ou "r", é necessário dobrá-la, sem usar hífen. Nos demais casos, não devemos usar o hífen.

Acompanhe alguns exemplos de palavras com tele-, este prefixo grego que tem o significado de distância, afastamento.

Exemplos com hífen:
tele-entrega
tele-entulho
tele-hambúrguer

Exemplos sem hífen:
telecomando
telecomunicação
teleconferência
telediagnóstico
telepizza

Exemplos sem hífen (dobrando as consoantes "r" ou "s"):
telesserviço
telessinalização
telessonda
telerradar
telerreserva

Atenção nos casos com vogais repetidas

Em alguns casos, quando o prefixo termina com a mesma vogal que inicia o segundo elemento, como em "tele-entrega" e "tele-educação", muitas pessoas costumam suprimir um "e" e escrever a palavra sem hífen: "telentrega" e "teleducação". São formas também aceitas como corretas.

Observe, porém, que esta regra nem sempre é válida, como é o caso de "micro-ônibus" ou "micro-ondas", já que as palavras "ônibus" e "ondas" têm a sílaba tônica justamente no "o". Logo, seria errado dizer "micrônibus" ou "microndas". Já para a palavra "micro-organismo", podemos usar a regra sem problemas, escrevendo "microrganismo".

Outras dúvidas

"Multi" e o hífen

"Por isso" ou "Porisso"?

"Infra" e o hífen

"Bem" e o hífen

<< Voltar para seção "Dúvidas frequentes"

Como referenciar: ""Tele" e o hífen" em Só Português. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2020. Consultado em 10/08/2020 às 17:49. Disponível na Internet em https://www.soportugues.com.br/secoes/FAQresposta.php?id=159

Divirta-se com o LOBIS HOMEM

Produtos de quando CORONA era motivo de alegria

O sonho de ser cantor