Você está em Diversos > Notícias

O Timor Ocidental aprende português

A PGRI, uma universidade indonésia, está desenvolvendo um programa de ensino de língua portuguesa em Timor Ocidental. A razão de apostar no ensino do idioma, explica o reitor Titus Bureni, é facilitar a comunicação com o Timor-Leste que, junto com Timor Ocidental, estão no mesmo arquipélago. A medida da universidade indonésia tem como objetivo proporcionar um bom entendimento entre as duas regiões.

O programa de português irá promover estágios e intercâmbio de estudantes, entre outras ações voltadas para a valorização e disseminação da língua. Além disso, serão convidados docentes de outros locais, como da Universidade Nacional Timor Lorosae, para lecionarem na instituição. Assim, a língua portuguesa, que já é o idioma oficial de Timor-Leste, começa a ganhar espaço em Timor Ocidental, sinalizando a nova postura do povo indonésio diante da língua, que já foi combatida durante a ditadura de Suharto entre 1967 e 1998.

01/07/2011

Fonte: Revista Língua Portuguesa nº 69 - Julho 2011