Você está em Ajuda > Dúvidas Frequentes

"Pós" e o hífen

O prefixo pós- tem origem latina e exprime a ideia de ação posterior, em seguida.

Quando for tônico e com significado próprio, sempre deve ser seguido por hífen. É relativamente simples identificar quando isso ocorre, pois nesses casos o prefixo é escrito com acento agudo. Acompanhe os exemplos:

pós-adolescência
pós-auricular
pós-bíblico
pós-cirúrgico
pós-colonial
pós-comunhão
pós-datado
pós-doutorado
pós-eleitoral
pós-graduação
pós-guerra
pós-medieval
pós-moderno
pós-nupcial
pós-operatório
pós-venda

Obs.: se o prefixo não for autônomo, não haverá hífen. Exemplos: pospor, posposição, posposto, poscéfalo, posfácio, posterior, posponto, postergar.

Outras dúvidas

"À frente" tem crase, mas "frente a frente" não

"Micro-organismo" ou "microrganismo"?

"Vice-reitor" ou "vice reitor"?

"Mal-humorado", "mal humorado", "mau-humorado" ou "mau humorado"?

<< Voltar para seção "Dúvidas frequentes"

Como referenciar: ""Pós" e o hífen" em Só Português. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2020. Consultado em 23/01/2020 às 14:07. Disponível na Internet em https://www.soportugues.com.br/secoes/FAQresposta.php?id=228

Divirta-se com o LOBIS HOMEM

O SONHO DE SER CANTOR

SOFRENDO COM A LÍNGUA PORTUGUESA