Você está em Diversos > A Origem das Expressões

Banho-maria

Na culinária, banho-maria é um processo de cozimento onde a comida não vai em contato direto com o fogo, sendo portanto cozida de forma mais lenta. Para isso, o alimento fica em um recipiente, que é colocado dentro de outro, onde existe água a ferver ou quase.

Em termos gerais, o banho-maria é um método científico utilizado em laboratórios químicos e na indústria, para aquecer lenta e uniformemente qualquer substância líquida ou sólida, dentro de um recipiente.

Quanto à origem da expressão, o processo recebe o nome em homenagem à famosa alquimista Maria, a Judia, a quem atribui-se a invenção do mesmo. Maria era citada como grande perita em vários dos mais antigos tratados de alquimia.

Os alquimistas do passado acreditavam que ela era Miriã, irmã de Moisés, o líder hebreu que viveu entre os séculos XIII e XIV a.C. Porém, há evidências que apoiam que esta reivindicação é falsa.

Devido ao banho-maria ser um processo lento, a expressão "deixar em banho-maria" ou "levar em banho-maria" também é usada para indicar que alguém está enrolando ou usando outra pessoa, ou em alguma situação em que a pessoa vai deixando algo acontecer.

Por exemplo, pode ser usada em relacionamentos, quando uma pessoa não quer nada sério com a outra mas não a dispensa, deixando-a como opção.

Exemplos de frases:

Clarice, você não vê que o André está te deixando em banho-maria?
Ainda não decidi se vou levar adiante aquele projeto, por enquanto vou deixá-lo em banho-maria.

Outras expressões

Como referenciar: "Banho-maria - Origem da Expressão" em Só Português. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2019. Consultado em 17/06/2019 às 00:17. Disponível na Internet em https://www.soportugues.com.br/secoes/proverbios/banhomaria.php